Carro tomba e mata mulher em Afonso Cláudio

Texto: Kennedy Lenk/Foto: PM

Um grave acidente registrado pela Polícia Militar no início da tarde deste sábado (05), na localidade do Firme, zona rural de Afonso Cláudio, vitimou uma dona de casa. Ela havia participado de um culto na sede do município e retornava para sua residência em companhia de seu filho, que conduzia o veículo. O motorista não passou no teste do bafômetro e foi levado à delegacia de Venda Nova do Imigrante. Profissionais do SAMU registraram o óbito e precisaram prestar atendimento ao irmão mais velho da vítima.

Mário Marcellino Alves estava retornando da cidade com sua mãe, a dona de casa Izolina da Conceição Alves. A religiosa havia participado de um culto em uma Igreja Evangélica do Bairro São Vicente. Depois do compromisso religioso, ambos tomaram a estrada sentido à localidade do Firme, mas não chegaram ao destino. Após uma profissional do SAMU constatar o óbito de dona Izolina, o sargento Clério e a Sd Cleidiane registaram a ocorrência com  muito critério.

Mário não contestou o resultado positivo no teste do etilômetro, e afirmou aos policiais que havia ingerido duas doses de cachaça pela manhã e deu uma versão para o acidente, que chamou a atenção dos profissionais. O motorista relatou que sua mãe abriu a porta e pulou do veículo em movimento. Ele relata que tentou segurá-la para evitar a tragédia, mas não conseguiu. Mário acabou perdendo o controle da direção e tombou o carro.

O corpo de dona Izolina da Conceição Alves ficou distante cerca de 10 metros do veículo às margens da estrada. André Ferrari, Perito da Perícia Técnica da Polícia Civil, esteve no local e encaminhou o corpo da dona de casa para o Instituto Médico Legal (IML), de Cachoeiro do Itapemirim. O veículo ficou sob a responsabilidade de familiares, por falta de serviço de remoção credenciado. Mário sofreu escoriações nas pernas e braço, mas dispensou atendimento e foi conduzido à Delegacia de Venda Nova do Imigrante para mais explicações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *