Não temas, porque eu sou contigo!

“Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou o teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a minha destra fiel”. Is 41.10

O mundo está cheio de medo. Medo do fim do mundo, medo de enfermidades que não têm cura, medo de guerras, fome, sede e medo de tantas outras coisas. Muitos procuram não falar sobre o assunto, fazer de conta que não sentem medo, mas, lá no fundo, o medo está sempre presente.

Acabamos de ler em Isaías que Deus diz: “Não temas!” – Cinco vezes Deus diz o que fará pelos seus, o que fará por aqueles que o chamam de “Pai”. Ele fará tudo para nos livrar do medo. Também ainda hoje. Porque essa palavra em Isaías é dita a nós também.

É interessante, desde que os homens conseguiram descobrir as menores partículas da matéria, e desde que conseguiram fazer com que essas partículas minúsculas explodissem, desde então o medo aumentou. Em vez de ficar contente com o fato de que Deus permitiu que descobrissem tudo isso, todos sofrem com o medo. Mas isso não seria necessário. Porque, acima do saber e querer de homens pecadores, sempre ainda permanece aquele que tem tudo em suas mãos: O Deus todo-poderoso. E este Deus é o seu e meu Pai. Por isso, não temas!

Em momentos de solidão, de angústia, de tristeza e de incompreensão – ali está Deus com o seu “eu sou contigo”. Quando você sentir que todas as tristezas do mundo e todas as angústias imagináveis o circundam, não desanime, porque Deus diz: “Eu sou o teu Deus”. – Quando você sentir a sua completa incompetência e fraqueza e não souber mais como carregar todo o seu fardo, o seu Pai lhe diz: “eu te fortaleço!” – Talvez você tenha suspirado em meio a graves enfermidades e necessidades e dito: eu não aguento mais! Mas depois você conseguiu aguentar – lembre-se de que sempre de novo é válido o que Deus lhe promete: “eu te ajudo!” E quando nada mais existe que possa ajudá-lo, não esqueça que as palavras de seu Deus e Pai permanecem verdadeiras: “Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou o teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a minha destra fiel!”

É verdade. Na tentação e na provação, nas sombras do passado e nas acusações de sua consciência, a destra fiel do seu Deus o sustenta. A mesma mão que poderia nos destruir – e que deveria nos destruir por causa de nossos muitos pecados – esta mesma mão, por amor das mãos perfuradas de seu Filho – nos segura, e segura o mundo inteiro apesar de todo o mal feito. Esta mão guia você, dirige, carrega você. Pois o “Eu” divino está sobre você: “Não temas, EU sou contigo!”

Senhor Deus, Pai celestial, colocamos todas as nossas preocupações e medos diante de ti. Sabemos que tudo o que acontece a nós, não acontece sem a tua vontade. Mas sabemos que tu nos amas. Isso tira de nós todo o medo e nos dá força. Dá que nós levemos adiante esta tua força até aqueles que ainda vivem em medo e à sombra da morte. Agradecemos-te pela graça de podermos nos alegrar em Jesus Cristo, nosso Senhor e Salvador – apesar de tudo. Amém.

Pastor Roberval Ribet

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *